6 de nov de 2009

Platônico

Por que minhas faces esquentam?

E o coração ? Por que parece que ele rasga minha pele ? Por que ele quer sair ?

Onde estão meus olhos ? Onde está minha voz ?

Onde eu estou em uma hora dessas ? Por que não penso coerentemente ?

Existe fogo em toda parte, um simples toque se torna ferida.

Suas mãos são labaredas querido, e sua voz se converte em adrenalina.

E isso tudo ocorre ao ouvir um simples "Bom dia ".

F. Cunha

1 de nov de 2009

Coisinha feita por mim ...



Quem está certo ?


Quando criança eu vi meu pai com o coração quebrado, chorando e chutando o nada, tentando em vão, juntar seus pedaços (sem saber que uma vez partido o coração nunca se junta). A mulher que ele amava foi embora e jurou jamais ser esquecida. Desde então desacreditei no amor e tentei manter uma distância confortável, porque ele nunca dura e eu sei disso no fundo da alma. A solidão é calma e não dói por isso eu não sei se devo querer-te, não sei se o amor realmente existe para você, a não ser que sejamos a única exceção para o amor carnal, eu estou quase crendo nisso, por favor, se for um sonho me diga. Não me deixe ser uma tola acreditando no inacreditável , porque antes de você eu acreditava ser feliz na solidão ...

F. cunha